“Eu cá gosto é de malhar na direita” mas…

Foi com esta célebre frase que o antigo Ministro e deputado do PS, Augusto dos Santos Silva, criou um fait divers que a direita vai-se lá saber porquê se indignou!!!

Caros leitores, também eu sou um fiel discípulo dele, e por isso vou malhar um bocadinho na direita mas…fiquem conscientes à esquerda que eu não me esqueço de vós.

gosto_e_de_malhar_na_direita04

Até porque e se me permitem, meter-me com o BE dá mais visitas a este Blog e page views do que me meter com a direita junta, ou seja, PPD/PSD + CDS-PP!!!

E porquê? Porque ninguém gosta literalmente de me ver malhar num moribundo!!! Por isso malta do BE alegrem-se ainda não estão moribundos…apenas caminham para lá!!! 🙂

Falando de coisas de governos moribundos vou-vos falar de três casos que me chamaram a atenção pela negativa na semana que passou.

Na segunda-feira da semana que passou um tal António Ribeiro Ferreira, que é o Editor Internacional do Jornal “I”, e que tem como Curriculum para além de ter sido diretor desta publicação o de ter sido grande repórter (não sabia que havia esta categoria jornalística mas destaco) do pasquim Correio da Manhã partilhou connosco um vomitado a que chamou de crónica que começava assim: “António Costa sabe que em Outubro só tem duas saídas: vai para S. Bento em glória ou é corrido a pontapé“. O titulo da mesma também era no mesmo diapasão: “Parem, escutem e vejam o que é o desespero“!!! Lá no meio saí-se com estas pérolas: “As greves no sector dos transportes são, por isso mesmo, ilegais e antidemocráticas, ao porem em causa a escolha da maioria dos portugueses. Num Estado de direito a sério, os sindicatos promotores de tais greves seriam alvo de processos e levados a julgamento. Numa república das bananas, como a portuguesa, são incensados e levados ao colo pela comunicação social e têm o respaldo de um dos partidos que assinou, em 2011, o memorando com a troika de credores, depois de ter levado este sítio cada vez mais mal frequentado à falência.” e acrescenta “O PS de António Costa anda agora, em 2015, a dizer aos portugueses que não aceita a privatização do sector dos transportes. (…) Mas António Costa começa a ser um caso sério de pantominice na política portuguesa, pantominice alimentada pelo desespero de um homem que olha para Outubro e só vê duas saídas: entrar em glória em S. Bento como primeiro-ministro ou ter uma saída de sendeiro do Largo do Rato, com os seus camaradas a correrem com o seu falhado D. Sebastião para a sua casinha de Sintra.” e finaliza com “Percebe-se, por isso, que o homem prometa o céu e a terra, milagres da multiplicação do dinheiro com mais salários, mais pensões, mais feriados, menos impostos, menos horas de trabalho e a anulação de grande parte das poucas reformas que este executivo conseguiu fazer na legislatura. É o tempo a voltar para trás, lá para os idos de 2009, 2010 e 2011 e da estrondosa falência do Estado. António Costa olha para as sondagens e os meses que faltam para Outubro e sobe naturalmente a parada de promessas irresponsáveis. Promete galinheiros, pombais, estradas, auto-estradas, caminhos, ruelas, empresas públicas e hospitais a todos os que lhe aparecem pela frente com idade de votar e ainda acreditam nesta democracia. A falência, a austeridade e os anos de crise não lhe serviram de lição. Tudo isto é triste, tudo isto é fado, tudo isto é socialismo. A Virgem de Fátima nos proteja.

gosto_e_de_malhar_na_direita01

Pois é, reconheço que a extrema-direita e a direita não só controlam financeiramente os nossos média, como tomaram conta do jornalismo em Portugal, do espaço de comentário em horário nobre e até das almas e consciências de muitas as populações. bem reconheço que todos temos direito à nossa opinião, o problema é quando essa opinião é de má fé e pior ofensiva, e confundir liberdade de opinião com mentiras (pois nenhuma greve é ilegal), ofensas (chamar estas parvoíces seja a quem for, partido e/ou pessoa) e usar a fé para as fundamentar (eu sei que o Bispo de Leiria-Fátima normalmente é da Opus Dei, mas até esse é bem mais educado que este senhor) é a todos os títulos lamentável!!! Referir que alguém que pode ser o futuro primeiro-ministro de Portugal, pode e cito ser “corrido ao pontapé“, que “cauciona greves ilegais” e que é “patomino” (o significado desta ofensa é: “mentiroso, ser trapaceiro com o intuito de enganar alguém; ser um logo“), “desesperado”, “falhado” e que “promete” tudo e é responsável por tudo o que nos aconteceu num momento em que nem sequer era governante!!! É passar das marcas e que tal dizer a este senhor usando a mesma verve que este usou contra António Costa o que eu acho que este é: fascista, mentiroso, mal formado, uma vergonha para a sua classe e por esse motivo alguém que deveria ser corrido ao pontapé da sua profissão!!! Espero sinceramente que o Governo do PS faça um boicote de acesso a fontes e noticias a este tipo de personagens e caso os respetivos órgãos de comunicação social os apoiem que os estenda também a estes!!! Quem não respeita terceiros, não merece ser respeitado!!!

Falando de má fé e de liberdade de expressão um tal Duarte Marques, escreve ao que sei no Expresso online uma crónica semanal, a ultima começava com este titulo: “António Costa: 6 meses, 4 versões de programa. Portugal não é o “tubo de ensaio” do PS“!!! Não vos reproduzo o resto do artigo pois é previsível o que contém, aliás em tudo este senhor é previsível até na aparente incapacidade de lidar com uma polémica ideológica!!! O senhor é muito básico neste campo, também o que se espera de alguém saído diretamente da jota para os cueiros do parlamento!!! É de relembrar que foi este deputado que nos abriu as portas para conhecer-mos a figura do Pedro Cosme Vieira, o nosso führer luso, que citou como uma grande referência e a cujo o Francisco Louçã, com o artigo no seu Blog do Público intitulado de “Duarte Marques e o amigo que afunda barcos da pretalhada” e lhe chamando um pitéu lhe deu uma trancada de todo o tamanho!!! Vejamos leio o artigo e só me ocorre alguns pensamentos: Será que é por diminuir alguns milhares de participantes cidadãos independentes e militantes do PS que colaboraram e construiram os diferentes documentos que compõem o programa de governo do PS para Portugal, que se consegue votos? Será que é repetindo mentiras muitas vezes que se formam verdades? Será que é por ser ofensivo, chamando a António Costa “cata-vento político”, que se consegue marcar a sua opinião? OU às vezes o melhor é estar calado senão ainda se arrisca a levar algumas trancadas!!! Porque não é com base na diminuição, na mentira e na ofensa a pessoas que se constroi uma opinião!!! Pois eu acho que escolheria a segunda opção!!!

gosto_e_de_malhar_na_direita02

Por fim vou falar do jogo do rato e do gato para quem não sabe esta expressão não tem origem no comportamento dos animais em questão mas sim num jogo tradicional de crianças jogado em amiúde antigamente pois bem e porque vos vou falar deste jogo, é que primeiro é jogado por crianças e depois pressupõe em termos de linguagem corrente política aplicada a estes que nos (des)governam todos os dias, que: não nos façam de estúpidos!!! E esta semana foi pródiga nisso, primeiro uma Ministra das Finanças dá uma aula de sapiência a uma plateia de jotinhas e depois vem ao parlamento dizer que não disse o que disse e que está filmado!!! É, nós sabemos que você pode ter dado um tiro no porta-aviões cara Ministra, mas não nos chame de imbecis…OK!!! Por fim um Secretário de Estado implicado num caso de uma lista VIP de protegidos pela a autoridade tributária (quando todos deveria-mo-lo ser!!!) vem ser ilibado por um organismo em que é este hierarquicamente que controla e tutela não só os seus elementos como os seus resultados!!! Será que alguém acha que isto é algo estranho…ou só eu o acho!!!

Pois no tal jogo tradicional do gato e do rato após se chegar ao horário que as  crianças responderam anteriormente a que a criança que faz de rato chegaria, isto à criança que faz de gato que roda a roda as crianças param de rodar e a criança que faz de gato passa a perseguir a criança que faz de rato, o jogo acaba quando a primeira pega a segunda!!!

Pois bem o eleitorado também terá a sua hora de apanhar quem faz de rato no meio deste jogo em que nos fazem passar por imbecis!!!

Anúncios

3 thoughts on ““Eu cá gosto é de malhar na direita” mas…

    1. Pois Rui Pedro Nascimento…já vi ( http://www.sol.pt/noticia/56490 ) era a Vereadora do CDS-PP de Cascais (e nunca colei os nomes vê lá tu) e foi agora nomeada pela competência do pai para a Presidência do Instituto da Segurança Social…mais uma para o PS demitir…e outra nomeada pela “independente” CRESAP!!! OK fica registado…o PS vai mesmo aumentar de forma momentânea o desemprego em Portugal…já deve ir mais de 5.000 os nomeados do PPD/PSD e CDS-PP para este cargos!!! 🙂

      Gostar

  1. Gosto muito dos comentário de Augusto Silva, o melhor que neste momento há no ecrã. Estou do lado dele quando diz “como gosto de malhar na direita” e, mais gosto por ser canalha, incompetente e concretamente aldrabona.

    Gostar

Argumente

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s