O país das crianças “Jonet”!!!

Hoje é o dia mundial da criança, e sucede que este dia é precedido pela campanha nacional do Banco Alimentar contra a Fome, que se realizou no fim-de-semana que passou!!!

Nos últimos anos revi em muito a minha posição acerca destas instituições, embora reconheça que a sua existência é infelizmente necessária não só desconfio de que quem cada vez mais ganha com estas campanhas é o estado (através do IVA cobrado) e as grandes superfícies (do lucro que põem nos produtos comprados) como cada vez mais julgo que esta instituição visa manter a caridadezinha que esta coligação que nos (des)governa e de cujo os partidos a diretora desse “banco“, Isabel Jonet, está próxima ideologicamente, pois defende que se deve eternizar a pobreza e que o estado não deve ser social mas sim ajudado pela caridadezinha constante da sociedade civil, deste modo cito a personagemas pessoas passaram a achar que têm direito a todas as prestações sociais e dão-no como adquirido. Muitas vezes, preferem ir para o subsídio de desemprego do que ter um emprego, ainda que ele seja menos bem pago, porque sabem que vão ter a prestação social no final do mês” que e na mesma entrevista acrescentou “isso vai trazer alguma perversidade neste tipo de formulas de emergência e que deviam ser reduzidas ao máximo, mas, sobretudo vai fazer com que o montante que é afectado a essas prestações sociais atinga níveis insustentáveis e incomportáveis para o Estado“.

o_pais_das_crianças_jonet02

Deste modo para esta senhora imbuída no espírito do Movimento Nacional Feminino do regime fascista português salazarento o estado deve cortar a maioria dos subsídios sociais e deste modo eternizar a pobreza!!!

Não foi preciso esta dizer muito mais, a entrevista é de 2011, para que o governo se pusesse a cortar a eito neste tipo de prestações, por exemplo em 2015 foram mais € 270 milhões de euros, a juntar aos € 900 milhões de euros do OE de 2014, que acumulados com os cortes de mais de € 1.500 milhões de euros (já com o corte das reformas e pensões que vigorou a partir desse ano) em 2013 e de € 1.800 milhões milhões de euros em 2012 (incluindo os cortes na saúde referentes aos apoios sociais) se somou nos últimos 4 anos mais de € 4.700 milhões de euros a isto juntamos muitos milhões de euros acumulados (e não apurados, pois as verbas vêm de dois ou mais Ministérios) em Educação Especial e crianças deficientes e por fim em apoios vários à proteção da infância, sendo que tudo somado temos seguramente mais de € 5.000 milhões de euros em cortes!!!

A tudo isto soubemos no ultimo relatório sobre o tema que “a pobreza infantil em Portugal, que se estima atinja um quarto das crianças” num valor de “mais de de 640 mil” (…) crianças e jovens” e que se considera que tal “pode comprometer o desenvolvimento do país.!!! No relatório refere-se que suplantamos até a Grécia no aumento da pobreza infantil!!!

A todos estes dados de aumento da pobreza infantil qual é a resposta do governo e desta coligação que nos (des)governa, pois bem com os recentes cortes de € 270 milhões de euros nas prestações sociais, no congelamento dos pagamentos ao ensino especial, sabemos que a toada é a mesma, ou seja alegrar-mo-nos com a Jonet tenha mais 3,9% em doações alimentares para que possa doar esses alimentos aos milhares de famílias pobres e às suas crianças!!!

Eis a solução que nos é apresentada por este (des)governo no dia mundial da criança, um quarto de crianças de jovens em pobreza extrema, milhões de pais angustiados por não poderem sequer dar uma lembrança aos seus filhos e a Isabel Jonet satisfeita porque não só aumentou as doações para a sua instituição de caridadezinha como e para gáudio desta as prestações sociais já não são um direito adquirido, vejamos, já não são sequer um direito, quanto mais adquirido!!!

o_pais_das_crianças_jonet03

Eis a desesperança que nos oferecem com a caridadezinha não só das cem sopas para pobres criadas, do alargamento da tarifa social de energia e do aumento marginal das pensões mais baixas em contraponto com o corte generalizado aos apoios sociais restantes a estes e aos seus familiares e sabendo nós que os cortes das prestações sociais afetam mais os mais pobres!!!

É este o país da Isabel Jonet que nos é oferecido hoje em dia!!!

Anúncios

2 thoughts on “O país das crianças “Jonet”!!!

  1. Caridade é vergonha! Um país médiamente organizado tem que bastar-se e bastar aos seus. De outro modo mais vale que desapareça,para que os capazes proporcionem aos habitantes o mínimo digno! Que a caridade serve de elevador aos de mau espírito, com ânsia de domínio, não é de hoje. Santas Casas devem ir para o Céu e deixar o Mundo aos não santos.Terminologias facinorosas ainda enganam ingénuos distraídos: tantos anos a tentarem a mesma solução e os resultados são mais que evidentes.Haja decoro!

    Liked by 1 person

Argumente

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s