No tempo em que os animais falavam…

Soubemos recentemente que o governante que se quer recandidatar a mais quatro anos de governo. (coligado com um partido minoritário que já foi democrata-cristão) acha que andam por aí a correr uns mitos urbanos!!!

Muitas histórias de encantar começam com esta frase: “no tempo em que os animais falavam“. E embora seja uma frase interessante todos sabemos que tal tempo nunca existiu, apesar de a repetirem muitas vezes!!!

Ora o atual Primeiro Ministro referiu: “Há uns quantos mitos urbanos, um deles é que eu incentivei os jovens a emigrar. Eu desafio qualquer um a recordar alguma intervenção ou escrito que eu tenha tido nesse sentido” e ponto final.

no_tempo_em_que_os_animais_falavam01

Segundo esta tão credível personagem da política nacional essa afirmação é do “tempo em que os animais falavam“!!! Mas vá lá não precisamos de ir tão longe cara personagem dos contos para crianças da nossa política, vamos só a Dezembro de 2011, sim a apenas três anos e meio atrás!!!

Então vamos lá as afirmações mitómanas que este personagem de ficção não fez: “Sabemos que há muitos professores em Portugal que não têm, nesta altura, ocupação. E o próprio sistema privado não consegue ter oferta para todos (…) Estamos com uma demografia decrescente, como todos sabem, e portanto nos próximos anos haverá muita gente em Portugal que, das duas uma: ou consegue nessa área fazer formação e estar disponível para outras áreas ou, querendo manter-se sobretudo como professores, podem olhar para todo o mercado da língua portuguesa e encontrar aí uma alternativa (…) Em Angola e não só. O Brasil tem também uma grande necessidade ao nível do ensino básico e secundário (…) tudo o que tem a ver com tecnologias de informação e do conhecimento, e ainda em áreas muito relacionadas com a saúde, com a educação, com a área ambiental, com comunicações”.

Eu reconheço que o pobre do homem pode ter sido mal interpretado em relação a mandar os jovens emigrar, e que este textualmente não disse isso!!!

Ou seja quando este fala sobre professores que não encontram trabalho, e profissionais que se formaram em “tecnologias de informação e do conhecimento, e ainda em áreas muito relacionadas com a saúde, com a educação, com a área ambiental, com comunicações” este está referir desempregados de longa duração que naquela altura existiam ao magote e não a jovens que eram mais de 80% dos professores que não conseguiam encontrar vagas no quadro, nem enfermeiros que o governo a partir desse ano deixou de contratar nem muito menos engenheiros ambientais, técnicos de energias renováveis e outros profissionais do sector que mandou para o desemprego ao cortar todo e qualquer concurso de abertura de licenças relacionado com este sector, nem informáticos que tiveram um desemprego massivo e que agora estão a fazer brilharetes em multinacionais do sector, bem como, investigadores dos mais variados sectores na sua generalidade a quem cortou as bolsas de investigação e que agora são massa cinzenta que ajuda a I&D dos países europeus a quem devemos dinheiro!!!

Não o primeiro-ministro desse ano, não o de agora, apenas falou nesse Dezembro de 2011, de hipotéticos professores, hipotéticos enfermeiros, hipotéticos técnicos vários ligados ao sector do ambiente, hipotéticos informáticos e hipotéticos investigadores!!! E dentro dessa hipotética toda, talvez alguns fossem também hipoteticamente jovens!!!

O homem no fundo, bem no fundo é um incompreendido!!!

Pois “no tempo em que os animais falavam” um tal personagem seria o porquinho relapso que construiu a casa de palha e que veio o mau do lobo mau e com um sopro a destruiu, mas teria uma escapatória e poderia fugir para a casa do porquinho responsável que construiu uma casa de tijolos e aguentou os sopros e investidas do lobo mau!!!

no_tempo_em_que_os_animais_falavam03

Nesse tempo de mitos existe sempre uma escapatória, o problema é que nunca estivemos nesse tempo!!!

Por isso acho que lhe devemos dar a resposta lógica que é mostrar que é um mito urbano que este personagem ache que nos pode enganar por mais quatro anos!!!

Anúncios

Argumente

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s